Toda revendedora precisa se desdobrar para atender todos os tipos de cliente que aparecem. É preciso ter muito jogo de cintura, pois cada cliente tem um perfil e uma maneira de fazer compras.

Na prática, isso não é nada fácil, pois existem diversos fatores que podem influenciar uma compra. Além disso, muitos clientes acabam deixando a revendedora confusa ou irritada, e sucumbir a isso pode ser ruim para os negócios.

O ideal é que você esteja emocionalmente preparada e saiba agir com confiança em diferentes situações. Quando sabemos o que vamos enfrentar, conseguimos controlar nossas emoções e vender de uma maneira muito mais profissional. 

Para te ajudar nessa tarefa, reunimos dicas para que qualquer revendedora possa lidar com 6 diferentes tipos de clientes. Leia e, depois, coloque-as em prática!

1. O mais comum entre todos os tipos de cliente

Ele não tem tempo nem para responder as suas perguntas. Este é o cliente que está sempre apressado! Mas o importante é que ele está disposto a comprar de você! Por isso, para lidar com esse tipo de cliente, é preciso ter muita paciência e poupá-lo de detalhes.

É muito provável que você goste de fazer uma venda completa, passando todas as informações para o cliente, mas o apressado não vai parar para ouvir o que você tem a dizer. 

Afinal, ele não tem tempo para nada e quer receber apenas o que solicitou. Para conquistá-lo de vez, é só ser breve e indicar produtos que realmente foram solicitados. Ele voltará a comprar com você, pois gostará do seu atendimento rápido e sem burocracias. 

2. O confuso que deixa a revendedora perdida

Mais do que não saber o que ele quer, esse é um dos tipos de cliente que confunde e acaba deixando a revendedora de cabelos em pé! Ele não consegue se explicar direito, passa informações do que quer com insegurança e ainda se confunde sempre que você pede para ele repetir.

Nessas horas, o mais perigoso é que ele faça com que a própria revendedora se confunda nos pedidos e acabe se atrapalhando nas vendas. No entanto, para lidar com esse tipo de cliente, é preciso ter muita paciência e, acima de tudo, não se deixar levar pelo jeito dele.

Uma dica é pedir que o comprador repita o que disse com calma e, enquanto ele responde, tentar alinhar tudo o que ele fala. Anote o que ele disser, peça para que ele confira e, então, oriente-o a fazer o pedido. Agindo dessa maneira, você poderá evitar problemas no atendimento. 

3. O indeciso é um dos tipos de clientes mais comum

Ele sempre está em busca de mais informações antes de comprar. O problema é que, cada vez que ele fica em dúvida, mais informações serão necessárias. A revendedora não consegue entender realmente o que ele quer, pois cada hora ele está à procura de algo totalmente diferente.

E o pior é que esses tipos de cliente indeciso não faz isso de propósito. Ele realmente funciona dessa maneira – cabe à revendedora descobrir como pode vender para ele sem se estressar! A verdade é que esses tipos de clientes precisam de um empurrão.

Fazer perguntas diretas para descobrir o que ele realmente quer é uma dica. Outra recomendação é deixá-lo à vontade, sem fazer pressão. Mostre novamente as opções que você tem disponíveis sempre que ele achar necessário.
 
Você sentirá quando ele ficar mais balançado por algum produto, mas, como ele é muito indeciso, ele não conseguirá tomar a decisão de compra. Por isso, não deixe de tomar frente nessas horas: passe confiança para ele e ajude-o a tomar uma decisão!

4. O negociador que não tem limites

O cliente negociador quer levar vantagem em tudo e deixa a revendedora louca! Afinal, não é sempre que o cliente pode levar tudo o que ele deseja. Ele não quer só comprar, mas quer brindes, descontos, amostras e tudo o que ele acha que tem direito.

Para lidar com esses tipos de clientes, é preciso que você estabeleça um limite e seja bem firme. Caso contrário, se você deixá-lo levar o que quer uma vez, pode saber que ele voltará exigindo ainda mais.

No entanto, como todo bom negociador, ele sabe quando uma negociação está perdida. Por isso, não se deixe abalar e mantenha sua palavra até o fim – lembre-se de fazer isso com todos os seus clientes!

5. O grosseiro que está disposto a brigar

Um dos tipos de clientes mais difíceis de lidar é o grosseiro. É importante que você nunca se irrite e tente evitar entrar na briga dele. Ele fica facilmente alterado, faz ameaças, não tem consideração e raramente escuta o que você tem para dizer. Infelizmente, é bem comum ter que lidar com pessoas desse tipo na vida.

Nesses momentos, quando o cliente grosseiro está alterado, a melhor coisa a se fazer é manter uma postura firme. Não deixe que ele te assuste, mas não se descontrole. Na verdade, pode ser que ele não seja bem compreendido e sempre exploda quando algo não sai do jeito dele.

Por isso, como revendedora, o mais indicado é sempre seguir as normas, auxiliar de maneira prestativa em casos de trocas de produtos e manter a postura. É um grande desafio mas, quando você está emocionalmente preparada para lidar com esse tipo de cliente, tudo fica muito mais fácil. 

6. O bem-humorado é um tipo raro

É um dos tipos de cliente que as revendedoras mais gostam de lidar. Afinal, o cliente bem-humorado sempre está animado e acaba contagiando todos que estão ao seu redor. 

Para conquistar quem é bem-humorado, não é preciso muito esforço: basta ser gentil e agir normalmente. Contudo, é importante lembrar que, assim como com os outros tipos de cliente, é preciso atender com foco em resoluções rápidas. Tenha em mente que, saindo satisfeito da compra, ele é um dos que mais podem te ajudar com o marketing boca a boca

Gostou das nossas recomendações? Você vai ver como fará diferença atender diferentes tipos de clientes sabendo como agir. Além disso, se você deseja aprender mais sobre como alavancar suas vendas, temos um post perfeito para você. Saiba como vender mais para os mesmos clientes e não fique parada!

Revendedora: aprenda como lidar com 6 tipos de cliente
5 (100%) 2 votos