Ficar rico e ter, finalmente, a independência financeira: esse é o sonho de qualquer trabalhador. Muitos deles — mais especificamente 4,4 milhões brasileiros — apostam na revenda para manter a casa, fugir das dívidas, realizar sonhos e lidar com a falta de emprego formal. Grande parte desses revendedores se dá bem com a atividade, mas será que é possível ficar rico com revenda?

Tire agora essa e muitas outras dúvidas sobre os ganhos financeiros proporcionados pela atividade de revendedor. Boa leitura!

É possível ficar rico com revenda?

Primeiramente, vamos pensar juntos. O que é ser rico para você? A sua resposta, provavelmente, será diferente da nossa. Também é possível que seus clientes e seus colegas de revenda tenham outras visões. A verdade é que a riqueza tem muito mais a ver com a independência financeira e com a capacidade de gerir o próprio dinheiro do que com o volume de reais na conta bancária. 

Muitas pessoas vivem com salários altos, mas não conseguem eliminar as dívidas. Enquanto isso, outras ganham entre um e cinco salários mínimos e conseguem sair do aluguel, viajar uma vez por ano, colocar os filhos em uma boa escola, sem se preocupar com o nome nos sistemas de proteção ao crédito. Qual desses padrões de vida você quer?

Caso a sua resposta seja a segunda opção, dizemos a você que sim, é possível ter um alto padrão de vida e ficar rico com revenda! A flexibilidade de horários, a possibilidade de dobrar os lucros com o aumento da produtividade e a alta demanda fazem da revenda uma ótima atividade para quem quer conquistar a independência financeira.

Como ter sucesso financeiro com a revenda?

O primeiro passo é deixar de encarar a atividade como um bico e investir em profissionalização. Realize cursos de qualificaçãodiversifique os produtos para revenda e utilize a internet para impulsionar o seu negócio. Colocado isso em prática, na medida em que trabalha, aplique as dicas que separamos a seguir:

Crie um planejamento financeiro

Viver sem um planejamento financeiro é jogar dinheiro fora! Ele impede que você gaste com serviços e produtos que não precisa, podendo, assim, focar naquilo que fará o seu negócio crescer. O planejamento financeiro envolve a criação de metas de venda, a compra dos produtos para a revenda, além do cálculo de lucros, receitas e despesas.

Separe as finanças pessoais das profissionais

Crie dois orçamentos (o pessoal e o profissional) e estipule um salário mensal que independe dos seus lucros. Como a atividade de revenda é variável, é comum querer aumentar o próprio salário na medida em que o dinheiro entra, mas isso é prejudicial a longo prazo. Assim, determine a sua remuneração média e reinvista o dinheiro excedente no trabalho (aumentando a cartela de produtos) ou guarde-o na poupança.

Poupe para a realização de sonhos

Por falar em poupança, ela pode ajudar você a alcançar suas metas. Ter o padrão de vida que você sempre sonhou requer planejamento e esforço. Portanto, separe entre 20% e 30% da sua remuneração mensal para guardar na poupança e evite retirar qualquer valor dela. Com isso, terá mais chances de conseguir viajar no fim do ano, comprar um carro e até mesmo uma casa.

Aposte no marketing para impulsionar as vendas

Com o marketing, você alcança novos clientes e populariza os produtos que revende, podendo obter melhores resultados. Uma boa forma de investir em marketing é utilizar as redes sociais, como o Instagram. Lá, você exibe sua cartela de produtos, divulga promoções e conversa com clientes e potenciais clientes.

No fim das contas, podemos dizer que ficar rico com revenda é, sim, uma tarefa possível. Com dedicação e profissionalismo, temos certeza de que você conquistará a tão almejada independência financeira!

Esperamos que este post tenha sido útil para você! Continue a sua busca por conhecimentos conferindo algumas dicas preciosas para vender mais no começo do ano!

Dá para ficar rico com revenda? Tire já as suas dúvidas!
4.8 (95%) 12 votos